Página InicialBibliotecaInscritos em Premiações Encerradas

2013 - Solução para o Agronegócio - Empresa de Médio e Grande Porte - Datum TI

Empresa sediada em Porto Alegre/RS, a Datum TI participa na categoria Solução para o Agronegócio - Empresa de Médio e Grande Porte 

.

 

 

Vote aqui:

Para votar, clique no botão Recomendar.

 

VOTAÇÕES ENCERRADAS! AGRADECEMOS A SUA PARTICIPAÇÃO.

 

 

Nome Completo da Iniciativa, Reportagem ou Solução apresentada: 

Sistema de Armazenagem e Controle de Grãos – SACG

 

Descrição detalhada da Iniciativa, Reportagem ou Solução apresentada:

A Datum T.I. é uma empresa de outsourcing de TI, sediada no Parque Científico e Tecnológico da PUC (Tecnopuc), em Porto Alegre, RS,  e tem contribuído com várias empresas com soluções inovadoras, tecnologicamente avançadas e, principalmente, voltadas à expansão de seus negócios. Ajudar clientes a maximizarem os seus resultados com a aplicação da tecnologia da informação e comunicação é a vocação da empresa.

 

Aliando a sua expertise com a visão de futuro da Cooperativa Agropecuária e Industrial – COTRIJAL, a Datum T.I. desenvolveu uma solução que vem ao encontro dos anseios do setor do Agronegócio no País, no sentido de “levar tecnologia ao campo”.

 

1.    Case: Sistema de Armazenagem e Controle de Grãos – SACG

 

A Cooperativa Agropecuária e Industrial (COTRIJAL), localizada na região do Alto Jacuí, estado do Rio Grande do Sul, sofria com processos de armazenagem e controle de grãos não definidos, sobretudo com o preenchimento de planilhas e a tramitação das mesmas internamente, pelas áreas envolvidas. Tal prática não assegurava a agilidade e, tampouco, a fidelidade das informações.

 

Para suprir esta carência, a Datum T.I. levou à Cooperativa uma proposta de inovação no agronegócio através do desenvolvimento de uma solução de monitoramento e controle da qualidade de grãos.

 

Assim, a Datum T.I. iniciou junto com o cliente, no ano de 2010, o desenvolvimento do Sistema de Armazenagem e Controle de Grãos (SACG), que consiste em armazenagem e processos de controle da qualidade de grãos.

 

O SACG tem como principais objetivos:

§  disponibilizar informações centralizadas, como qualidade do grão, processos utilizados e demais controles;

§  otimizar o tempo dos usuários, liberando-os para focar em suas atividades específicas, haja vista que as informações agora são disponibilizadas via sistema e não mais em planilhas;

§  favorecer a gestão do cotidiano da unidade por parte do setor Operacional;

§  preparar a Cooperativa para a rastreabilidade do grão, obtendo o mapeamento desde o recebimento até a expedição do mesmo.

 

O Sistema é composto pelos módulos de Grão e Controles, os quais se encontram abaixo detalhados:

 

1.1.     Grão

 

Unidades de Armazenamento:Unidade armazenador do grão, seja ela silo, armazém ou moega (unidade que armazena fisicamente a carga com grãos).

Recebimento:Ação de alocação dos grãos provenientes de agricultores dentro da estrutura da empresa.

Ensilagem:Ação de movimentação do grão de uma unidade de armazenamento de fluxo (moega) para uma definitiva (silo ou armazém), após processos de controle e qualidade.

Secagem:Ação de movimentação do grão de uma unidade de armazenamento para outra utilizando processo de secagem para redução da umidade do grão.

Aferições de qualidade:Amostragem de diversas características do grão utilizando processo de aferição para determinar o padrão de qualidade.

Padrões de qualidade:Padrão conforme mapa (Ministério da Agricultura) que determina, conforme classificação de índices de características do grão, qual a sua finalidade comercial.

Classes de trigo:Classificação do grão quanto à características físico-químicas.

Expedição:Processo de entrega dos grãos à clientes, sejam eles indústria ou terceiros, movimentando o grão das unidades de armazenamento (silos e armazéns) para cargas para transporte.

 

1.2.     Controles

 

Roedores:Registro das atividades de combate a roedores, informando espécie, local da ocorrência, produtos utilizados e quantidade, bem como responsável pelo processo.

Pragas:Registro das atividades de combate a pragas (neste caso, insetos), informando espécie, local da ocorrência, produtos utilizados e quantidade, bem como responsável pelo processo.

Produtos:Controle de estoque de produtos utilizados nos controles de pragas e roedores.

Equipamentos:Registro e mapeamento da estrutura utilizada nos processos de secagem por meio de cadastro de secadores.

Setores/locais:Registro e mapeamento dos pontos físicos aonde ocorrem os controles de pragas e roedores (locais de ação/aplicação).

Unidades:Filiais que recebem, processam e armazenam o grão.

Usuários:Utilizadores do sistema.

Perfis:Perfil para controle de segurança das atividades permitidas e negadas, à qual se submetem os usuários cadastrados no SACG.

 

O Sistema possibilita, ainda, a emissão dos seguintes Relatórios:

 

Situação de Silos:Exibe as condições gerais de cada unidade de armazenamento, como quantidade e qualidade do grão.

Secagem x Ensilagem:Exibe a progressão do processo de secagem do grão armazenado em respectiva unidade de armazenamento.

Expedição:Exibe a listagem das cargas expedidas e origens envolvidas (unidades de armazenamento de onde os grãos são provenientes).

Pragas:Exibe os registros populados do controle de pragas, assim como os locais onde foram identificadas as ocorrências.

Roedores: Exibe os registros populados do controle de roedores, assim como os locais onde foram identificadas as ocorrências.

Transilagens: Exibe a movimentação entre unidades de armazenamento (silos/armazéns para outros silos/armazéns).

Recebimentos de Grãos: Exibe a listagem das cargas recebidas.

Recebimentos Ensilados: Exibe a listagem das cargas recebidas e destinos envolvidos (unidades de armazenamento onde os grãos foram armazenados).

Capacidade de armazenagem: Exibe a estrutura total de armazenamento, quanto está ociosa e ocupada, assim como qual grão e qualidade do mesmo.

Gerenciamento de Armazenagem:Exibe a estrutura de armazenamento e os processos de controle a que o grão de cada unidade de armazenamento foi submetido.

Silos por Aferições de Qualidade:Exibe unidades de armazenamento e agrupa as mesmas com base nas características do grão armazenado em cada uma delas.

Silos por padrões de qualidade:Exibe unidades de armazenamento e agrupa as mesmas com base no padrão de qualidade do grão armazenado em cada uma delas.

Setor local:Exibe o mapa físico mapeado pelo SACG utilizado nos controles de pragas e roedores.

Produtos:Exibe o estoque atual da unidade.

Produtos com estoque baixo:Exibe a listagem de produtos com quantidade de estoque crítica.

 

Atualmente, o Sistema é utilizado nas cinco principais unidades da Cooperativa, gerando um controle eficiente das informações, bem como proporcionando tomadas de decisão de forma ágil e eficaz. No decorrer do projeto, a Datum T.I. contou/ainda conta com a colaboração média de trinta profissionais, dentre eles: Analistas de Negócios, Analistas de Processos, Analistas de Qualidade, Gerentes de Projeto, Programadores, Testadores, entre outros, todos agregando múltiplas experiências e conhecimentos, trazendo melhor performance e qualidade no desenvolvimento do projeto.

O SACG (Sistema de Armazenagem e Controle de Grãos) é uma ferramenta hoje imprescindível para a COTRIJAL, servindo como modelo para outras cooperativas que busquem inovação através da informatização de seus processos organizacionais.

 

Justificativa da Candidatura:

A Datum T.I. acredita ser merecedora do Prêmio Imre Simon não apenas pelos benefícios trazidos à Cooperativa Agropecuária e Industrial (COTRIJAL) com o desenvolvimento e implantação do SACG mas, sobretudo, por ter desenvolvido um sistema que leva Tecnologia ao campo, especialmente se considerarmos que quase toda economia do País é dependente do resultado agrícola.  

 

A inovação trazida ao processo de controle, qualidade e armazenagem de grãos, através do desenvolvimento de uma ferramenta informatizada, trouxe ganhos à Cooperativa nos seguintes aspectos:

 

a)   Inovação:

O Sistema SACG está preparado para fornecer a rastreabilidade do grão, fazendo com que seja possível, em uma mesma carga, identificar quantos e quais agricultores forneceram grãos daquela carga vendida.

 

b)   Diferenciais:

O SACG propicia o monitoramento das condições do grão e, até mesmo, processos que tenha sofrido, cujas informações tanto podem ser utilizadas pela área operacional quanto comercial.

 

c)    Ganhos de Produtividade:

O Sistema trouxe agilidade à identificação de problemas no manejo de pragas, qualidade do grão e movimentação do grão dentro da unidade, gerando uma assertividade e eficiência nos processos, reduzindo o tempo de reação e, dessa forma, a perda da qualidade e volume de grãos.

 

d)   Melhoria da Qualidade:

Com o melhor monitoramento do setor responsável pela qualidade do grão, a estrutura armazenadora está sob cuidados, os quais disponibilizam de forma plena informações para toda a hierarquia de colaboradores envolvidos no processo, informações do manejo do grão, tanto em processos de transporte dentro da estrutura (ensilagem) como em processos de secagem do grão, onde a melhora da qualidade do grão é analisada trazendo informações da eficiência dos equipamentos envolvidos e do processo como um todo.

      

e)   Melhoria de Processos:

Processos sob maior controle e registrados em uma base de dados, propiciam comparações futuras e evidenciam quais práticas são mais eficientes e de que modo devem ocorrer. Dessa forma, processos melhor definidos, controlados e sendo visivelmente identificados pelo seu resultado fazem com que se tenha maior confiabilidade no serviço prestado (armazenagem e controle da qualidade) para refletir na qualidade do produto comercializado (grão).

 

 

Depoimento(s) de Cliente/Usuário/Beneficiário/Leitor:

 

Para Jorge Batista, os ganhos alcançados com a utilização do sistema são: “As informações sobre as quantidades de produtos armazenados nos silos, acesso nos estoques de produtos mais rápido para comercialização e qualidade do produto (setores comercial e qualidade)”.

Como visão de futuro da parceria e do Sistema, Jorge acrescenta que: “Na minha visão, o programa vai nos trazer mais agilidade nas informações quanto aos produtos recebidos e expedidos”.

Jorge Luis da Silva Batista
Coordenador Operacional
Cotrijal (Tio Hugo/RS)

 

Relativamente aos ganhos obtidos com o Sistema, Cristiano Kruger e o Fernando Baumgardt, colaboradores da Unidade Tio Hugo Balança da Cooperativa, afirmam que: “Facilidade de acesso às informações sobre o produto que se tem armazenado nos silos; Agilidade nos processos de ensilagem e secagem quanto a lançar nas planilhas segue um padrão para todos; Facilidade para os demais setores envolvidos terem acesso ao que se tem armazenado na unidade (setor comercial, qualidade, etc.)”.

Quanto à visão de futuro da parceria e do Sistema como um todo, os colaboradores acima afirmam ser “Muito boa, tornando cada vez mais eficaz e precisa a atualização de informações quanto aos produtos recebidos, expedidos, etc.  Não haverá perda de tempo para se ter essas informações; sendo assim, todos os setores ganham com isso agilizando mais ainda a comercialização desse produto. Redução de custos com a utilização do sistema, pois processos antigos não precisarão mais ser feitos.”

 

 

Cristiano Emilio Kruger e Fernando Daniel Baumgardt
Cotrijal 

 

 

Anexos:

 

 

 

 

 

Clippagem

Editar esta página (área restrita)

 

Institucional

Associados

Biografias

Depoimentos

Diretoria Nacional

Diretorias Regionais

Histórico

Internacional

Missão, Visão e Valores

Núcleos Regionais

Transparência

Contatos

Contate Nossa Assessoria

Onde Estamos

Receba nossa Comunicação

Sua Opinião

Webmaster

Associe-se!

Filie-se Já!

Quem pode se Associar

Seja um Conveniado

Seja um Patrocinador

Benefícios

Comerciais

Competitividade

Eventos

Juridico-Tributarios

Reconhecimento

Recursos Humanos

Representatividade

Salas e Auditórios

Biblioteca

Agenda do Setor de TI

Dados de Mercado

Documentos

Inscritos em Prêmiações em Andamento

Inscritos em Premiações Encerradas

Legislação

Material de Eventos

Oportunidades de Negócios

Perguntas Frequentes

Recomendações

Loja Virtual

Inscrição Prof. Imre Simon - 2014 - ASSOCIADOS

Inscrição Prof. Imre Simon - 2014 - NÃO ASSOCIADOS

Livro 'Juntos Somos Mais'

Na Mídia

Artigos

Clipping

Mídias Sociais

Newsletter

Notícias das Regionais

Notícias do Setor

Notícias dos Associados

Press Kit

Press Releases

Revista TI

Semana em Brasília

>
 
 
 

(C)opyright 1976 - 2016 by Assespro Nacional

Sede: SRTVS - Quadra 701 - Bloco A - Salas 829/831
Edifício Centro Empresarial Brasília
70340-907 Brasília (DF) - Brasil
Fone/Fax: +55 (61) 3201-0932

 

Layout desenvolvido por: